Nos últimos anos, em busca de maior rentabilidade, os investidores no Brasil passaram a prestar atenção em novos produtos, não se contentando apenas com opções consideradas mais conservadoras, como a poupança ou a renda fixa.

Segundo a Anbima, em 2017, os investimentos (entre renda fixa e variável) no país alcançaram R$ 2,7 trilhões. No mesmo ano, havia R$ 984,5 bilhões aplicados apenas em fundos.

Investir em fundos de ações é hoje uma das principais alternativas para quem tem horizonte de longo prazo e almeja aumentar o retorno de sua carteira de investimentos. Porém, é preciso que esse investidor tenha maior tolerância a riscos.

Neste artigo, você entenderá o que é preciso para investir em fundos de ações sem se frustrar e saberá também quais são as melhores alternativas do mercado para aumentar seus ganhos. Acompanhe!

Como saber quando investir em renda variável?

Investimentos em renda fixa são considerados mais conservadores por apresentarem menor risco em curto prazo. Para saber se a renda variável é a melhor forma de diversificar sua carteira, é recomendável que você se identifique com dois fatores:

  • desejo de alcançar rentabilidade maior que a renda fixa;

  • meu horizonte de investimentos é superior a 5 anos.

Uma vez que se enquadra nesse perfil de investidores, há duas opções para você fazer aplicações em renda variável: investir diretamente em ações ou recorrer aos fundos de ações.

O que são fundos de ações?

Fundos de ações são criados com o objetivo de investir no mercado de ações. No entanto, em vez de comprar ações individualmente, o investidor pode recorrer a um fundo gerido por profissionais especializados em analisar as melhores estratégias do mercado e selecionar papéis de diferentes companhias.

Essa é uma forma eficiente de driblar o receio inicial, comum a quem não tem conhecimento suficiente para adquirir ações sem ajuda de especialistas.

Quais as vantagens de investir em fundos de ações?

A expertise dos profissionais que controlam o fundo de ações é uma das principais vantagens para quem quer investir em renda variável.

As gestoras contam com equipes que monitoram bolsas de valores em busca de garantir a maior rentabilidade a seus investidores.

Outra vantagem dos fundos de ações está na possibilidade de diversificar sua carteira de investimento sem ficar suscetível às variações de preços de ações específicas, já que os fundos, de forma geral, são compostos por ações de diversas companhias.

Em vez de comprar ações isoladamente, os investidores têm exposição imediata a várias possibilidades do mercado com valor inicial baixo. No Paraná Banco, por exemplo, é possível iniciar o investimento em fundos de ações com aplicações de R$ 500.

Quais fundos de ações o Paraná Banco oferece?

Clientes do Paraná Banco têm à disposição dois fundos de ações para iniciar suas aplicações em renda variável: JMalucelli Small Caps FIA e JMalucelli Marlim Dividendos FIA. Saiba, a seguir, qual a melhor alternativa para o seu perfil.

JMalucelli Marlim Dividendos FIA

As aplicações do fundo JMalucelli Marlim Dividendos são feitas em ações de empresas mais maduras e sólidas, que tenham boa perspectiva de pagar dividendos.

Os profissionais do Paraná Banco selecionam companhias que são rentáveis, líderes em seus respectivos mercados e que apresentam barreiras para novos entrantes em seus negócios. Assim, essas empresas têm geração estável de lucro, com distribuição, anualmente, de elevada parcela em dividendos.

Em suma, o objetivo do fundo é proporcionar, a médio e longo prazos, ganhos de capital aos seus cotistas, por meio da aplicação em ações de emissão de companhias abertas com boas perspectivas de distribuição de proventos, selecionadas a partir de uma análise fundamentalista e um horizonte de longo prazo.

JMalucelli Small Caps FIA

As aplicações do fundo JMalucelli Small Caps são realizadas em ações de empresas de baixa capitalização (organizações com menor valor de mercado), mas com grande perspectiva de crescimento.

Os gestores do Paraná Banco recorrem a uma análise fundamentalista para constatar quais companhias têm, atualmente, valor na Bolsa aquém de sua realidade — empresas cujo valor intrínseco é superior ao valor de mercado.

A análise fundamentalista vai além de apenas observar gráficos. Com base em balanços financeiros e estudos sobre a indústria e o negócio, são observadores fatores como:

  • quais são os drivers do negócio;

  • o que faz com que a empresa tenha capacidade de geração de caixa;

  • o que assegura sucesso ao negócio;

  • qual a capacidade de a empresa obter sucesso em seu ramo de atuação;

  • quais são os potenciais de crescimento dessa indústria.

Ou seja, o fundo JMalucelli Small Caps é composto por ações de empresas com expressivo potencial de valorização em longo prazo.

Para os dois fundos de ações oferecidos pelo Paraná Banco, basta R$ 500 para fazer a primeira aplicação, sem a necessidade de pagamentos de taxas de entrada ou de saída. As movimentações mínimas têm o valor de R$ 100.

Por que investir em fundos de ações do Paraná Banco?

Em 30 de junho de 2018, os fundos de ações JMalucelli Small Caps e JMalucelli Marlim Dividendos completaram 10 anos de existência, com histórico de alta rentabilidade.

Ao longo da última década, ambos os fundos do Paraná Banco acumularam 150% de rentabilidade, enquanto o principal benchmark do mercado, o Ibovespa, atingiu apenas 15%.

Investidores de fundos de ações devem compreender que esses produtos apresentam alta volatilidade se houver acompanhamento diário. Porém, em longo prazo, isso é diluído.

Fundos com características similares aos oferecidos pelo Paraná Banco podem apresentar rentabilidade negativa em 46% das vezes em que houver uma análise diária.

Todavia, esse percentual cai para 7% quando os fundos são observados anualmente. Ou seja, a rentabilidade será positiva em 93% das avaliações anuais.

Premiações para fundos de ações do Paraná Banco

Em consequência do sucesso de sua gestão, os fundos JMalucelli Small Caps e JMalucelli Marlim Dividendos receberam diversas premiações ao longo dos últimos anos.

JMalucelli Marlim Dividendos FIA

  • Classificado como “Excelente” pela Revista Investidor Institucional (Luz Engenharia);

  • classificado entre os “Melhores Fundos” pela Revista Isto É Dinheir​o;

  • classificado como “5 estrelas” pela Revista Valor Investe (Standard & Poor’s).

JMalucelli Small Caps FIA

  • Classificado como “Excelente” pela Revista Investidor Institucional (Luz Engenharia);

  • classificado como “5 estrelas” pela Revista Valor Investe (Standard & Poor’s).

Além do histórico positivo ao longo de 10 anos, investidores de fundos de ações do Paraná Banco têm a confiabilidade de fazer aplicações em fundos regulados pela CVM e monitorados por auditorias independentes, com custódia e controladoria do Bradesco S.A.

Como vimos, com a assessoria de profissionais especializados, investir em fundos de ações é uma boa alternativa para quem quer expandir a carteira de investimentos e aumentar sua rentabilidade.

Quer saber mais sobre os fundos de ações do Paraná Banco? Entre em contato conosco. Teremos prazer em ajudá-lo a encontrar as melhores alternativas de investimentos para o seu perfil!